Mostra assertiva

Vitrine de novas tecnologias no segmento de equipamentos móveis na América Latina, a M&T Expo 2015 reuniu 45.755 visitantes e rendeu bons negócios

A M&T Expo 2015 – 9ª Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração e 7ª Feira e Congresso Internacionais de Equipamentos para Mineração foi realizada no início de junho no São Paulo Expo Exhibition & Convention, em São Paulo (SP). Em um espaço de 100 mil metros quadrados, o evento contou com 478 expositores, representando 25 países e cerca de mil marcas.

Os 45.755 visitantes puderam conhecer uma grande variedade de equipamentos para terraplenagem, pavimentação, içamento de cargas, perfuração de rochas, mineração, entre outros, além de motores, material rodante, peças e componentes.

A realização de negócios, segundo a Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração (Sobratema), organizadora da feira, foi expressiva. “Com base nos depoimentos de diversos expositores, chegamos à conclusão de que a movimentação de vendas antes, durante e depois da M&T Expo 2015 deve representar entre 20% e 30% do volume total de vendas anuais, que historicamente se situa em R$ 15 bilhões, mas que neste ano, em função da desaceleração, deve ser da ordem de R$ 10 bilhões”, afirma Afonso Mamede, presidente da Sobratema.

O Grupo Wirtgen avalia que obteve uma exitosa participação. Entre os equipamentos que apresentaram melhor desempenho, o destaque foi a linha de fresadoras da marca Wirtgen, que alcançou um crescimento de 88% sobre as vendas realizadas na feira em relação à edição de 2012.

“Tivemos um bom desempenho de vendas em todas as linhas, sobretudo em fresadoras, que apresentaram crescimento expressivo nesta edição”, afirma Luiz Marcelo Tegon, presidente comercial da Ciber Equipamentos Rodoviários. “Apesar de, no volume total de negócios fechados no evento, termos obtido um total de vendas aproximadamente 20% abaixo ao que atingimos em 2012, isso representou uma queda muito inferior ao que nossa indústria tem sentido em 2015, com redução do volume de negócios nas mais diversas linhas de equipamentos que produzimos de mais de 70% na média, se comparado ao mesmo período de 2014”, completa.

O Grupo Fayat, por meio de suas marcas Bomag e Marini, apresentou lançamentos fabricados no País e também importados. “Como as marcas do grupo no Brasil ainda estão em fase de aumento de reconhecimento pelo cliente, pois só estamos há dois anos operando com fábrica no País, consideramos que nossa participação na feira foi um sucesso acima do que tínhamos planejado”, comenta Reus Rosa, gerente-geral e CEO para a América Latina. “Mesmo com todas as dificuldades enfrentadas pelo mercado de construção no País nos últimos meses, o evento acabou gerando negócios acima do esperado para este momento. Entendemos isso como ganho de participação, e não crescimento da base de negócios”, completa.

Paralelamente à feira aconteceu o M&T Expo Congresso, que reuniu um público de mais de mil congressistas. Com uma programação composta por 16 seminários e eventos especiais, foram debatidos os principais assuntos que norteiam o mercado de equipamentos para construção e mineração.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *