Aposta na mobilidade

Com mais de 40 anos de experiência no fornecimento de equipamentos de tratamento de água e efluentes, não é de hoje que a ETA Engenharia de Tratamentos de Água trabalha com locação.

“Recentemente, a companhia locou equipamentos para a Water Port, a qual abastece navios no Porto de Santos, e também para a Itapoá Saneamento, responsável pelo abastecimento público no município de Itapoá”, conta Natália Sebber Romanelli, gerente administrativa da empresa.

Segundo Natália, a ETA calcula um grande potencial em locações itinerantes. Por isso, prepara lançamentos até o fim deste ano.

Duas novas tecnologias estão na fase de conclusão de desenvolvimento. A primeira é um sistema para potabilização de águas subterrâneas e superficiais para até 20 mil litros por hora. “Trata-se de um tratamento físico-químico convencional composto por floculação, decantação e filtração instalado em uma prancha com toda a infraestrutura para realização do tratamento”, detalha.

A segunda novidade é destinada ao tratamento e recuperação de água de lavagem de máquinas e equipamentos. “O sistema é composto por floculador mecânico, flotador por ar dissolvido, filtro de areia e módulo de dosagem”, explica Natália. “O maior diferencial é a eliminação do vaso de pressão para realizar a saturação do efluente. Ou seja, o sistema é composto somente por uma bomba para geração de microbolhas”, completa.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *